Biografia

Miro Saldanha é natural de São Gabriel, no Rio Grande do Sul. Ainda que tenha manifestado desde cedo uma profunda atração pela música, só se voltou para o mercado musical em 2004, quando teve seu primeiro disco lançado pela gravadora ACIT, com noventa e nove por cento do repertório de autoria de Miro.  Ainda que o disco, gravado em dupla, tenha tido uma excelente aceitação pelo público, a dupla se desfez em 2005, antes mesmo que estourassem os sucessos Chegada e Prece à Pátria.. 

Mas foram a aceitação e a receptividade demonstradas que incentivaram Miro a continuar gravando solo com repertório próprio. O CD UM CANTO MEU, lançado em 2007, já pela gravadora VERTICAL, teve grande repercussão com a música Pilares. Seguiram-se O RASTRO E A POEIRA (2009), com os sucessos Princípios e Perfil Gaúcho, entre outros. Sempre fiel ao estilo e com repertório próprio, em 2011 Miro lançou o CD PEDAÇOS, onde se destacou a música de mesmo titulo, além das faixas Retratos de Um Povo, Valores, A Vida é a Diferença, Sem Volta e a divertida vaneira Na Melhor Idade.

Miro escreve, compõe e canta também em outros gêneros, caracterizando suas composições pela mescla de temas do campo e da cidade, acrescentando uma pitada rural a temas urbanos e vice-versa. Sobre esse aspecto, o músico se destaca a ponto de suas canções e forma de escrever serem consideradas diferenciadas, incluindo, ao mesmo tempo, simplicidade e riqueza de vocabulário. Miro escreve com a facilidade de quem sabe do que fala e isso faz com que suas composições conduzam o ouvinte pelo cenário ou situação que descrevem, porém sem fechar demasiado a terminologia utilizada. Essa abordagem facilita o entendimento, permitindo abranger também àqueles ouvintes que apreciam a música rural, mas não são profundos conhecedores do campo. 

Publicado por: Gravadora Vertical



Miro Saldanha | Música Gaúcha com cara de Brasil